Entrevistas:  Emofóbicos

Por desconhecido

Bom, vocês fazem um legitimo punk hc, como o pessoal da banda se define: punk's, libertários, adeptos?
Luiz : Cara nós não somos punks nem nada assim, nós curtimos o som, curtimos a mensagem mas não nos rotulamos em nenhum movimento ou algo do tipo.
A banda tem um nome que chama muita atenção, quem teve a idéia de formar a banda e colocar esse nome? O que vocês acham do Emo e como o publico reage ao nome da banda?
A idéia do nome foi do Arthur (guitarrista). A princípio tem gente que acha que a banda é realmente uma banda de emo (...), mas depois, claro, vê que não é nada disso!
A quanto tempo a banda existe? Já teve outra formação? Quem faz as letras das musicas?
Existe há uns 2 anos. A formação original tinha João Paulo no baixo (irmão do guitarrista) e tinha kaká na segunda guitarra. A atual só tem uma guitarra e com a saída de João eu entrei no baixo.
Qual as influências da banda? Na opinião de vocês, como está o hardcore de hoje comparado ao do que vocês ouviam antigamente?
Nossas influencias são muitas: punk, hc, psychobilly, ska, rockabilly, no geral, mas cada um tem em suas influências pessoais um pouco de tudo, indo desde o pop, passando pelo metal até o blues.
Vocês fazem muitos shows? Espectativa de um cd?
Não, fazemos poucos shows porque a cena na nossa cidade é pequena e cheia de panelinhas, e nós sempre temos que correr para fazermos nossos próprios shows, o que nem sempre é possível com freqüência devido a escassez de lugares para bandas underground e também porque todos nós estudamos.
A maioria das bandas perdem seu público devido a se entregar a mídia e ao capitalismo das gravadoras, o que vocês acham desses tipos de bandas? A banda Emofóbicos será sempre independente?
O problema não é se entregar a mídia de massa, uma gravadora grande irá aumentar o alcance da banda e conseqüentemente nossa mensagem o som iria chegar pra mais gente! O problema é ela interferir nas letras das músicas, no som e atitude da banda! Mudar o estilo é o que faz perder o publico. 
Qual o objetivo da banda, o que ela tenta passar para o público que curte EMOFÓBICOS?
Nós não queremos passar mensagem para quando você encontrar um emo partir para cima dele... É apenas uma tiração de sarro, pra mostrar que você pode ir num show nosso sem medo (claro, caso você não goste de emo!).
Emofóbicos é um sonho realizado de alguns de vocês, fazer uma banda e unir seus diferentes ideais?
Sem dúvida. Nos unimos para fazer um som que gostamos.
Quais são as influências da banda?
Em geral, além do que já falamos antes: Ramones, Sex Pistols, Rancid, Bad Religion, Dead Kennedys, Cólera, Ratos de Porão, Olho Seco, Blind Pigs, Os Catalépticos, Nekromantix, Zumbis do Espaço... Acredito que sejam as mais fortes.
Suas considerações finais e agradecimentos:
Agradecemos as nossas famílias, sem a ajuda delas não teríamos banda nem coisa alguma, agradecemos as bandas que nos influenciaram e que tornaram toda essa coisa de punk rock/HC possível, aos caras que criaram o napster, e aos nossos amigos que nos mostraram os primeiros sons de punk rock (Ary, Guilherme, Rogério, João Vítor, valeu todo mundo!).



Contatos:
Telefone: 2709-0826   
 
Voltar